Esclerose Múltipla

Esclerose Múltipla

O neurologista Dr. Alexandre Coelho Marques especialista em Esclerose Múltipla e médico no Hospital das Clínicas de São Paulo, foi o convidado da Vale Infusões para falar sobre esclerose múltipla, sinais, sintomas e tratamentos com Giulia Gamba, do canal Vida Múltipla e Valéria Carvalho, representante dos pacientes com esclerose múltipla de São José dos Campos.

O encontro online, promovido no dia 31 de agosto, foi transmitido simultaneamente nas redes sociais da Vale Infusões e trouxe esclarecimentos importantes sobre a Esclerose Múltipla, como a definição dos surtos neurológicos da EM e as experiências de diagnósticos das convidadas.

Segundo a explicação do neurologista, Alexandre Coelho Marques, a EM é uma doença autoimune desmielinizante inflamatória. “O próprio organismo produz células de defesa autoreativas que vão promover danos na bainha de mielina que é o envoltório do neurônio para permitir com que as informações que entram ao nosso cérebro cheguem de maneira mais eficaz com a melhor performance possível”.

Para ilustrar melhor o papel da bainha de mielina o doutor comparou sua estrutura a de um fio de cobre. “Se você imaginar um fio de cobre que leva a energia até sua casa é como se ele fosse o envoltório e o cobre a mielina. E ela é o grande alvo, a estrutura que protege e melhora a transmissão”.

No Brasil em torno de 5 a 10 pacientes para cada 100 mil habitantes, possuem Esclerose Múltipla. “Observamos bastante influência da relação territorial. Onde há menos incidência de raios ultravioletas, isso no mundo, norte da Europa e no Sul do país vemos mais casos da doença. Então tem essa correlação de raio ultravioleta que pode ter relação com a vitamina D”, enfatiza o neurologista.

Se você quer saber mais sobre a Esclerose Múltipla veja o vídeo completo no link: